Encontre no blog...



BR

Hibalta mostra fases de um relacionamento em novo EP

Sobre Nós, primeiro grande trabalho da banda Hibalta, conta com cinco músicas autorais, sendo duas delas inéditas, que mostram as fases de um relacionamento. O EP chegou nesta sexta-feira (6) em todas as plataformas digitais.

Segundo o integrante e compositor da banda, Matheus Rosa, as músicas foram escritas em momentos diferentes, apesar de conversarem bastante entre si, todas falam sobre relacionamentos.

As músicas Te Ver PartirO Que Sobrou de Nós e Remissão são inspiradas no rock nacional, como Fresno, que é uma das maiores inspirações da banda. Enquanto Dois em Um tem inspirações dos gêneros pop e folk.

Continue lendo após a publicidade

Por fim, Estro, que foi a última música a entrar no EP, fala sobre inspiração, como uma pessoa inspira a outra a ser alguém melhor. Além disso, será a única música de Sobre Nós que terá videoclipe.

“O clipe mostra bem quem é a gente , embora algumas músicas sejam bem dramáticas, sobre fim de relacionamento. O clipe mostra bem quem é a Hibalta, a gente é sempre bem descontraído, costuma brincar bastante quando se encontra, e as pessoas podem esperar isso do clipe”, comentou Matheus Rosa.

O compositor também contou sobre as suas inspirações para escrever, que vem de um pouco da sua vivência, mas também de tudo que ouve, e vê. Desde músicas, histórias de filmes, ou até mesmo uma conversa com alguém, tentando trazer sempre o cotidiano para dentro das músicas.

Mesclando ideias e melodias distintas, a banda colocou um pouco de cada integrante para mostrar ao máximo quem é a Hibalta, já que é o primeiro grande trabalho autoral, como uma apresentação.

Continue lendo após a publicidade

“O EP é nosso primeiro grande trabalho. Então, é uma grande realização para nós, como banda e músicos. Estamos muito felizes por mostrar mais ainda o nosso trabalho”, refletiu o compositor.

Processo da Hibalta durante a pandemia

Pouco antes do isolamento social começar, a Hibalta estava fazendo diversos shows, e abrindo apresentações de grandes bandas, como Lagum e Fresno. Com a pandemia, a banda ficou sem fazer show, e consequentemente sem a sua fonte de renda, portanto tiveram que tirar do próprio bolso para conseguir fazer as gravações dos EP.

Entretanto, Matheus conta que os principais desafios foram a pré-produção, a produção e as gravações, pois não podiam se encontrar para ensaiar, então tiveram que ir criando cada um na sua casa, e aos poucos foram conseguindo ajustar.

A banda espera que tudo volte ao normal, pelo menos no começo do ano que vem, e que eles possam retornar de onde pararam, e não precisem dar um passo para trás.

Continue lendo após a publicidade

Expectativas e sonhos

“As nossas expectativas são as melhores possíveis, a nossa principal ideia é voltar a fazer show, e também que as nossas músicas possam rodar bastante, que a gente consiga tocar na rádio, e quem sabe tocar na TV”, reflete Matheus Rosa.

Os maiores sonhos da banda é daqui alguns anos conseguir viver de música, fazendo shows e podendo rodar pelo Brasil, tocando em grandes festivais junto com grandes bandas.

Para um futuro próximo, a Hibalta já tem algumas músicas prontas que pretendem lançar daqui alguns meses, mas por enquanto o foco está no EP Sobre Nós.

Continue lendo após a publicidade

ACOMPANHE

FacebookTwitterInstagramSpotifySpotify
PUBLICIDADE

CATEGORIAS

PUBLICIDADE

Posts relacionados

Gringolândia

O músico e compositor Blake Rose lançou seu EP de estreia, A World Gone By, pela AWAL Recordings. A produção com sete faixas traz...

BR

A cantora Pilar lançou em todas as plataformas digitais o single Feminility. A faixa faz parte do EP Confluir e ganhou sua versão visual...

BR

A existência é repleta de camadas e sensações: da vitória à derrota, da queda à redenção e da decepção à aceitação. Ser alguém único...

Gringolândia

Produzido por Butch Walker (Green Day e Weezer), The Roadside leva Billy Idol a águas novas, mas familiares, cheias de cor, poder, atmosfera, atitude...