Nossas redes

O que você está procurando ?

Crédito: Stephan Solon

Especiais

Maroon 5 transforma Anhembi em balada

Uma voz invejável, boa forma, autêntico dançarino e carisma de sobra fazem de Adam Levine, vocalista do Maroon 5, um dos frontman mais desejado pelas mulheres atualmente. Prova disso foi dada na noite do último domingo, no Anhembi, em São Paulo.

Diante de um público de 35 mil pessoas, a banda americana enfileirou uma sequência de hits do início ao fim e fez com que mulheres de todas as idades gritassem a cada movimento de Levine.

Atração principal do Live Music Rocks, evento realizado em parceria entre o portal Terra e a produtora XYZ Live, o Maroon 5 iniciou o show com Payphone, carro-chefe do álbum Overexposed, lançado no final de junho. A resposta imediata das fãs deixou o vocalista mais à vontade em cena.

Publicidade

Diferentemente de outros artistas, que costumam balbuciar algumas palavras em português, Levine mostrou não ter intimidade alguma com o idioma, se desculpou e fez uma revelação.

“Eu não falo português, não vou fingir. Mas prometo que da próxima eu saberei dizer algo. Vocês entendem inglês? Porque eu tenho algo a dizer. Quando soubemos sobre a venda dos ingressos aqui, dissemos ‘Meu Deus!’. Nós nunca vendemos 30 mil ingressos para um único show na vida. Então, muito obrigado”.

Canções do primeiro álbum, Song About Jane, que colocaram a banda com destaque no cenário mundial, não foram esquecidas: Sunday Morning, Harder to Breathe, This Love e She Will Be Loved, esta última apresentada em versão acústica, somente com violão e voz.

Uma fã mais eufórica arremessou uma camiseta no palco, prontamente vestida pelo vocalista. Ele, no entanto, parece ter lido a mensagem só no final da música. “Adam seja o pai dos meus filhos”. Ele sorriu, tirou a camisa e seguiu a apresentação com outro regalo: uma camiseta da Seleção Brasileira, com o nome de Neymar Jr nas costas.

Publicidade

Seven Nation Army, do White Stripes, com Levine na bateria e o guitarrista James Valentine no vocal, além da dançante Moves Like Jagger transformaram a Arena Anhembi em uma grande balada e deram números finais ao espetáculo.

Setlist:
Payphone 
Makes Me Wonder 
Lucky Strike 
Sunday Morning 
If I Never See Your Face Again 
Wipe Your Eyes 
Won’t Go Home Without You 
Harder to Breathe 
Wake Up Call 
One More Night 
Hands All Over 
Misery 
This Love 

Bis
Seven Nation Army (cover do White Stripes)
She Will Be Loved 
Stereo Hearts 
Daylight 
Don’t You Want Me (cover deo The Human League)
Moves Like Jagger

Publicidade

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts relacionados

Agenda

Pilar sólido do influente hardcore nova-iorquino e uma das bandas mais cultuadas do gênero no mundo, o Gorilla Biscuits enfim volta ao Brasil após...

Agenda

Bruce Dickinson acaba de anunciar a banda brasileira Clash Bulldog’s para abrir os shows da turnê brasileira como convidados especiais. As apresentações acontecem entre...

Publicidade

Copyright © 2024 - Todos os direitos reservados

Desenvolvimento: Fika Projetos