Nossas redes

O que você está procurando ?

Juntos Pela Vila Gilda

Entrevista | Pedro Bara: “É nosso dever participar de ações que promovam o bem”

Estamos em contagem regressiva para o Juntos Pela Vila Gilda, que reunirá diversos artistas em uma boa causa. Entre eles está o roxo guitarra, Pedro Bara.

A sua história com a música começou quando ele ainda era criança. Começou a tocar guitarra sozinho aos nove anos, entretanto, foi aos 12 que teve seu primeiro encontro com o blues.

“Eu estava aprendendo a escrever. Lembro que meu pai tinha uma coleção de discos, a maior parte de bandas inglesas dos anos 60”, relembra Pedro. “Isso me levou a procurar estilos que influenciavam aquele som e acabei encontrando blues”.

Publicidade

Entre suas primeiras influências estão Eric Clapton, Fleetwood Mac, Rolling Stones, entre outros.

O álbum de estreia: Heading To The Moon   

Aos 17 anos, Bara lançou o seu primeiro álbum, Heading To The Moon (2018), com 11 músicas autorais que foram compostas em parceria com Carlos Sander e Alexandre Fontanetti.

Com uma estreia marcante na cidade de Santos, o álbum combina blues tradicional e moderno, rock, soul e funk. O disco não só foi parar em rádios do Reino Unido, como também entrou na lista das mais tocadas em duas delas.

“Ter minhas músicas tocadas nos lugares que serviram de berço para o que eu admiro é uma grande realização”, comenta. “Ouvir meu som numa rádio inglesa foi surreal”

Publicidade

Com esse lançamento, Pedro passou a ser uma promessa do blues nacional. Em 2019, foi citado pela A Tribuna entre os 10 nomes mais relevantes da música na região.

“Este disco foi decisivo para que eu integrasse em alguns palcos extremamente importantes no cenário nacional, como o Santos Jazz Festival, a Mostra Blues”, conclui o músico.

Pedro Bara no Juntos Pela Vila Gilda

Para o evento beneficente que acontece no próximo fim de semana, o artista gravou um versão de uma música que gosta muito, na companhia de Silas Andrade no sax e André Matanó no piano.

Bara acredita que os artistas devem estar unidos em prol de eventos como este. “Nós temos o dever de estar sempre o mais próximo possível de ações que promovam o bem da sociedade”, finaliza.

Publicidade

        

COLUNAS

Advertisement

Posts relacionados

Best of Blues and Rock

Atração de abertura do primeiro dia do Best of Blues and Rock 2023, Nanda Moura foi a responsável por representar o blues em uma...

BR

O novo e o clássico andam lado a lado no single Meias Verdades, que marca a estreia da banda Ilegais de Casa Amarela. O...

BR

O amor é imprevisível, move montanhas e encurta distâncias. Ou seja, não controlamos os nossos sentimentos. Este é o tema do novo single de...

BR

Um blues rock autêntico, ácido e politizado. Nada descreveria melhor a faixa Pra Fazer O Que For, novo single do grupo Kaio Filipe Blues...

Publicidade

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados

Desenvolvimento: Fika Projetos