Nossas redes

O que você está procurando ?

Especiais

Restart entrega show nostálgico e emocionante em Santos

Conhecida por suas roupas coloridas, a banda Restart, que marcou uma geração de jovens com suas músicas pop rock, realizou no sábado (30) o show da turnê de despedida Pra Você Lembrar, no Clube dos Portuários, em Santos. 

A separação pode ter deixado muitos fãs sem aquela despedida a altura do sucesso que eram, mas Pe Lanza, Pe Lu, Koba e Thomas entregaram um verdadeiro show de despedida, despertando sentimentos nostálgicos no coração dos jovens apaixonados que acompanharam a grande febre do grupo entre os anos de 2008 a 2015. 

O vocalista, Pe Lanza, não conteve palavras para descrever a gratidão que vem sentindo desde que anunciaram o retorno do grupo. “Obrigada por manterem a história e o nome da Restart vivo durante esse tempo, agradecemos a cada um de vocês que confirmou presença, e que está aqui, com o coração transbordando de saudade e vivendo esse sonho junto com a gente de novo”. 

Publicidade
Alanis Ribeiro

Apesar de 13 anos sem a Restart retornar a Santos, isso não os intimidou. Quem se lembra e acompanhou os shows anteriores, sabe que os “meninos” entregaram um grande espetáculo do início ao fim. 

Para Rafaela Nápoles, de 27 anos, o show foi um momento mais do que especial, porque a sua avó Maria Helena, de 74 anos, fez questão de acompanhá-la para conhecer quem era a banda que a neta tanto idolatrava durante a adolescência. 

“Quando soube do show comentei com a minha vó, e ela prontamente disse que precisava vir, que gostaria de viver esse momento comigo e reviver minha adolescência comigo”, disse.

O grupo fez com que o chão do Portuários estremecesse ao tocar grandes sucessos como Levo Comigo, Pra Você Lembrar, Recomeçar, Menina Estranha, Minha Estrela, Vou Cantar, entre outros  com transições de músicas dos álbuns Restart, Geração Z e Happy Rock Sunday

Alanis Ribeiro

A banda relembrou uma tradição dos velhos tempos de estrada ao tocar o hit Amor em mim, onde convidou uma das fãs a subir ao palco para fazer uma serenata e dar flores. O felizardo da vez foi Giovanny da Silva, de 26 anos, que teve o privilégio de representar toda uma comunidade. 

“Eu sempre os acompanhei mesmo após o término, mas nunca imaginei que em algum momento poderia ser escolhido, principalmente porque antes não era tão falada a questão da diversidade. O momento faz jus ao nome da turnê, essa memória eu vou levar pra sempre, realmente será um dia para lembrar”, disse. 

Publicidade

Durante toda a apresentação foi possível ver os integrantes emocionados com o amor e emoção dos fãs. Apesar de ter sido um dos únicos a não estender uma conversa com a plateia, Koba demonstrou sua euforia se aproximando constantemente da beirada do palco, sendo possível ver o quanto estava animado e grato por ter a casa cheia.

Posts relacionados

Pop Asia

“Porque eu fiz parecer fácil”. Foi com essa frase que o Le Sserafim iniciou sua primeira apresentação, por volta de 22h50, de sábado (13),...

Agenda

Pilar sólido do influente hardcore nova-iorquino e uma das bandas mais cultuadas do gênero no mundo, o Gorilla Biscuits enfim volta ao Brasil após...

Publicidade

Copyright © 2024 - Todos os direitos reservados

Desenvolvimento: Fika Projetos