Nossas redes

O que você está procurando ?

Mundo Extremo - Cláudio Azevedo

Crítica | Persona Non Grata – Exodus

Muita coisa se passou desde que Kirk Hammett deixou o Exodus para se juntar ao Metallica. Bonded By Blood, seu debute de 1985, foi a alavanca que o então efervescente thrash metal precisava, tornando-se um clássico atemporal do estilo, indispensável e obrigatório a qualquer headbanger.

Já o Metallica explodiu muito além das fronteiras do underground, mesmo tendo passado por diversas mudanças em sua sonoridade. E eis que em 2021, após um complicado período que envolveu um câncer no batera Tom Hunting e Covid 19 no guitarrista Gary Holt, o Exodus lança seu aguardado novo álbum, Persona Non Grata, que foi a recompensa de todos os problemas que a banda viveu.

Após participar da última fase do Slayer, Gary Holt voltou a atacar com os sempre mortais riffs de guitarra que são sua marca registrada há 40 anos. E o que ouvimos em Persona Non Grata é suficiente para classificá-lo como o melhor álbum de thrash metal de 2021. Simples assim.

Além de Holt e Hunting, fenomenais como sempre, ainda temos os vocais de Zetro, o baixo trovejante de Jack Gibson e a segunda guitarra comandada por Lee Altus, ex-Heathen, que desde 2005 vem fazendo um trabalho espetacular no Exodus. É uma das melhores formações do metal atual, tenha certeza disso.

Quanto ao material, esteja preparado para uma autêntica carnificina thrash e um festival de riffs como na faixa-título, Slipping Into Madness (muito boa!), Prescribing Horror (que riffs), R.E.M.F (velocidade pura), e as puramente thrash The Years of Death And Dying, Clickbait e The Beatings Will Continue (Until Morale Improves), que são músicas que nos fazem lembrar os motivos de gostarmos tanto de metal extremo. Poucas bandas, sejam veteranas ou novatas, são capazes de fazer igual.

Publicidade

Ah, e para quem esteve presente na última passagem da banda pelo Brasil, já deve estar contando os dias para a nova visita dos americanos. Que não demorem a voltar!!

Persona Non Grata
Ano de Lançamento
: 2021
Gravadora: Nuclear Blast
Gênero: Thrash Metal

Faixas:
1-Persona Non Grata
2-R.E.M.F.
3-Slipping Into Madness
4-Etilist
5-Prescribing Horror
6-The Beatings Will Continue (Until Morale Improves)
7-The Years of Death And Dying
8-Clickbait
9-Cosa Del Pantano
10-Lunatic Liar God
11-The Fires of Division
12-Antiseed

COLUNAS

Advertisement

Posts relacionados

Brasil Extremo - Cláudio Azevedo

Quem acompanhou o cenário nacional no final dos anos 1980 e início dos 1990, com certeza lembra dos mineiros do The Mist, banda liderada...

Mundo Extremo - Cláudio Azevedo

Desde o início de sua jornada, com o magistral EP Sentence of Death (1984), Schmier e sua turma jamais decepcionaram seus fãs. Tá certo...

Mundo Extremo - Cláudio Azevedo

Os alemães do Desaster não são conhecidos exatamente por lançarem material a todo momento. Em seus trinta anos de estrada, Church Without Saints é...

Mundo Extremo - Cláudio Azevedo

Seis longos anos foram precisos para os fãs da horda norueguesa finalmente poderem conferir o novo álbum dos cavaleiros nórdicos, essa massa sonora conhecida...

Publicidade

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados

Desenvolvimento: Fika Projetos